O Espírito e a Letra

A "letra" refere-se a qualquer comando, ensino ou trabalho sem o Espírito Santo, pois pensamentos sem o Espírito Santo não vivem no coração; eles são meramente escritos no cérebro, como algo pintado ou tricotado externamente. O "Espírito" significa o próprio Espírito Santo de Deus em nós, efetuando vida, luz e alegria em nós, para que o coração realmente sinta medo de Deus, conforto, fé, oração e força na tribulação. Orígenes falou da "letra" como um conhecimento da história e do "espírito" como um conhecimento do significado, como quando se entende que o cordeiro pascal significa o Messias. Mas mesmo esse conhecimento também é uma "letra", se o Espírito Santo não estiver no coração. Aqui, no entanto, deve-se ter cuidado. Os anabatistas se gabam muito do Espírito e nos censuram, dizendo que, por causa da letra, nos esforçamos violentamente pelo ofício de pregar e administrar os sacramentos. Nesse ponto, devemos saber que o Espírito Santo é dado através do evangelho, e que não devemos desprezar a pregação e administração externas dos sacramentos. Sim, o Filho de Deus, a Palavra eterna do Pai eterno, nos conforta através da palavra externa em nossos corações, e assim dá seu Espírito Santo. Atanásio diz: "O Espírito Santo está assim nos homens por meio da palavra".

~

Por: Philipp Melanchthon
Extraído de: Loci Comunnes
Ano: 1555

Share on Google Plus

Sobre Paulo Matheus

Esposo da Daniele, pai da Sophia, engenheiro, gremista e cristão. Seja bem vindo ao blog, comente e contribua!

0 Comentário: