Se a doutrina sagrada é uma ciência? [2]


Objeção 1
: Parece que a doutrina sagrada não é uma ciência; pois de acordo com o filósofo (Analíticos Posteriores I) "essa ciência é aquela que trata apenas de uma classe de assuntos". Mas o criador e a criatura, os quais são tratados na doutrina sagrada, não podem ser agrupados sob uma classe de assuntos. Portanto, a doutrina sagrada não é uma ciência.

Objeção 2: Além disso, na doutrina sagrada tratamos de anjos, criaturas corporais e moralidade humana. Mas estes pertencem a ciências filosóficas separadas. Portanto, a doutrina sagrada não pode ser uma ciência.

Pelo contrário, a Sagrada Escritura fala disso como uma ciência: "A sabedoria deu a ele o conhecimento [scientiam] das coisas sagradas" (Sabedoria 10:10).

Eu respondo que, a doutrina sagrada é uma ciência. A unidade de uma faculdade ou hábito deve ser avaliada por seu objeto, não de fato em seu aspecto material, mas no que diz respeito à formalidade precisa sob a qual ele é um objeto. Por exemplo, homem, burro e pedra concordam com a formalidade precisa de ser colorido; e a cor é o objeto formal da visão. Portanto, como as Escrituras Sagradas consideram as coisas precisamente sob a formalidade de serem divinamente reveladas, tudo o que foi divinamente revelado possui a formalidade precisa do objeto dessa ciência; e, portanto, está incluído na doutrina sagrada como em uma ciência.

Resposta à objeção 1: A doutrina sagrada não trata de Deus e das criaturas da mesma forma, mas principalmente de Deus e das criaturas apenas na medida em que sejam referíveis a Deus como seu começo ou fim. Portanto, a unidade desta ciência não é prejudicada.

Resposta à objeção 2: Nada impede que faculdades ou hábitos inferiores sejam diferenciados por algo que também se enquadra em uma faculdade ou hábito superior; porque a faculdade ou hábito superior considera o objeto em sua formalidade mais universal, como o objeto do "senso comum" é o que afeta os sentidos, incluindo, portanto, o que é visível ou audível. Portanto, o "senso comum", embora uma faculdade se estenda a todos os objetos dos cinco sentidos. Da mesma forma, objetos que são objeto de diferentes ciências filosóficas ainda podem ser tratados por essa única ciência sagrada sob um aspecto precisamente na medida em que podem ser incluídos na revelação. De modo que, dessa maneira, a doutrina sagrada carrega, por assim dizer, o selo da ciência divina que é única e simples, mas se estende a tudo.

~

Tomás de Aquino

Suma Teológica. Primeira parte.

Disponível em CCEL.

Share on Google Plus

Sobre Paulo Matheus

Esposo da Daniele, pai da Sophia, engenheiro, gremista e cristão. Seja bem vindo ao blog, comente e contribua!

0 Comentário: