Esdras 1

1. Ora, no primeiro ano de Ciro, rei da Pérsia, para que se cumprisse a palavra do Senhor pela boca de Jeremias, o Senhor despertou o espírito de Ciro, rei da Pérsia, que proclamava por todo o seu reino, e colocando-o também por escrito, dizendo:

2. Assim diz Ciro, rei da Pérsia: O SENHOR Deus do céu me deu todos os reinos da terra; e ele me ordenou que lhe edificasse uma casa em Jerusalém, que está em Judá.

3. Quem está entre vocês de todo o seu povo? O seu Deus esteja com ele, e suba a Jerusalém, que está em Judá, e edifique a casa do SENHOR Deus de Israel (ele é o Deus) que está em Jerusalém.

4. E qualquer que permanecer em qualquer lugar em que peregrinar, os homens desse lugar o ajudem com prata, e ouro, e com bens e animais, além da oferta voluntária da casa de Deus que está em Jerusalém.

5. Então levantaram-se os chefes dos pais de Judá e Benjamim, e os sacerdotes e levitas, com todos aqueles cujo espírito Deus havia criado, para subirem a fim de edificar a casa do Senhor que está em Jerusalém.

6. E todos os que estavam a seu redor fortaleciam suas mãos com vasos de prata, ouro, mercadorias e animais e coisas preciosas, além de tudo o que era voluntariamente oferecido.

7. Também o rei Ciro trouxe os vasos da casa do SENHOR, que Nabucodonosor trouxera de Jerusalém, e os colocou na casa dos seus deuses;

8. Mesmo aqueles que Ciro, rei da Pérsia, trouxe à mão de Mitredate, o tesoureiro, e os contaram a Sesbazar, o príncipe de Judá.

9. E este é o número dos itens: trinta carregadores de ouro, mil carregadores de prata, nove e vinte facas,

10. Trinta bases de ouro, bases de prata de um segundo tipo quatrocentos e dez e outros vasos de mil.

11. Todos os vasos de ouro e prata foram cinco mil e quatrocentos. Todos estes Sesbazar trouxe com ele ao cativeiro que foi criado da Babilônia para Jerusalém.