Salmo 10

1. Por que você se afasta, Senhor? Por que você se escondeu em tempos difíceis?

2. Os ímpios em seu orgulho perseguem os pobres: sejam presos nos artifícios que imaginaram.

3. Pois o ímpio se vangloria do desejo do seu coração, e abençoa a avareza a quem o Senhor abomina.

4. Os ímpios, pelo orgulho de seu semblante, não buscarão a Deus: Deus não está em todos os seus pensamentos.

5. Seus caminhos são sempre penosos; os teus juízos estão muito acima da vista dele; e para todos os seus inimigos, ele os despreza.

6. Ele disse em seu coração: Não ficarei abalado, porque nunca ficarei em adversidade.

7. Sua boca está cheia de maldições, enganos e fraudes; debaixo da sua língua há violência e vaidade.

8. Ele está sentado nos lugares escondidos das aldeias; nos lugares secretos ele mata os inocentes; seus olhos estão voltados para os pobres.

9. Espera secretamente como um leão na sua cova; espera para apanhar o pobre; ele pega o pobre quando o puxa para a sua rede.

10. Ele se agacha e se humilha, para que o pobre caia pela sua força.

11. Ele disse em seu coração: Deus se esqueceu; escondeu seu rosto; ele nunca verá isso.

12. Levanta-te, Senhor; Deus, levanta a tua mão; não te esqueças dos humildes.

13. Por que os ímpios desprezam a Deus? Ele disse em seu coração: Não o exigirás.

14. Você já viu isso; pois contemplas a malícia e a despeito, para a requerer com a mão: o pobre se compromete contigo; tu és o ajudante dos órfãos.

15. Quebra tu o braço do ímpio e do homem mau; procura a sua maldade até que não a encontre.

16. O SENHOR é rei para todo o sempre; os gentios perecem da sua terra.

17. SENHOR, ouviste o desejo dos humildes; prepararás o coração deles, e ouvirás os teus ouvidos;

18. Julgar os órfãos e os oprimidos, para que o homem da terra não possa mais oprimir.