Salmo 40

1. Esperei pacientemente pelo Senhor; e ele se inclinou para mim e ouviu o meu clamor.

2. Ele também me tirou de uma cova horrível, da argila lamacenta, e pôs meus pés em uma rocha, e estabeleceu meus passos.

3. E pôs em minha boca um novo cântico, para louvor do nosso Deus; muitos o verão, e temerão, e confiarão no SENHOR.

4. Bem-aventurado o homem que confia ao Senhor, e não respeita os orgulhosos, nem os que se voltam para mentiras.

5. Muitas, ó SENHOR, meu Deus, são as maravilhosas obras que fizeste, e os teus pensamentos que nos são apresentados; não podem ser postos em ordem para ti; se eu declarar e falar deles, eles são mais do que podem ser numerados.

6. Sacrifícios e ofertas não te deleitam; os meus ouvidos abriste; holocaustos e ofertas pelo pecado não são necessários.

7. Então eu disse: Eis que venho; no volume do livro está escrito sobre mim,

8. Tenho alegria em fazer a tua vontade, ó meu Deus; sim, a tua lei está dentro do meu coração.

9. Eu preguei a justiça na grande congregação; eis que eu não retive meus lábios, ó Senhor, tu sabes.

10. Não escondi a tua justiça dentro do meu coração; eu declarei a tua fidelidade e a tua salvação; não escondi a tua benignidade e a tua verdade da grande congregação.

11. Não retenhas de mim as tuas misericórdias, ó Senhor; que a tua benignidade e a tua verdade me protejam continuamente.

12. Pois inúmeros males me cercaram, minhas iniquidades me dominaram, de modo que não sou capaz de olhar; são mais do que os cabelos da minha cabeça; por isso o meu coração me falha.

13. Alegra-te, ó Senhor, em me livrar; ó Senhor, apresse-se em me ajudar.

14. Sejam envergonhados e confundidos juntos os que buscam a minha alma para destruí-la: sejam virados para trás e levados à desonra os que se deleitam com a minha mágoa.

15. Sejam desolados por causa da vergonha que me dizem: Ah! Ah!

16. Alegrem-se todos os que te buscam, alegrem-se em ti; digam continuamente os que amam a tua salvação: Seja engrandecido o Senhor.

17. Mas sou pobre e necessitado; todavia, o Senhor pensa em mim: tu és a minha ajuda e o meu libertador; não demore, ó meu Deus.