Tiago 5

1. Vão agora, homens ricos, chorem e uivem pelas misérias que virão sobre você.

2. Suas riquezas estão corrompidas e suas roupas são devoradas por traças.

3. Seu ouro e prata estão enferrujados; e a ferrugem deles será testemunha contra ti, comerá a tua carne como se fosse fogo. Você tem empilhado tesouros para os últimos dias.

4. Eis que os trabalhadores dos que ceifaram os teus campos, que são retidos por fraude, clamam; e os gritos daqueles que ceifaram são ouvidos pelos ouvidos do Senhor dos exércitos.

5. Vocês viveram em prazer na terra, com devassidão; nutriram vossos corações, como em um dia de matança.

6. Você condenou e matou os justos; e ele não resistiu a você.

7. Portanto, irmãos, sejam pacientes, até a vinda do Senhor. Eis que o lavrador espera o fruto precioso da terra e tem longa paciência por ele, até receber a chuva inicial e posterior.

8. Sejam também pacientes; firmem os vossos corações; porque a vinda do Senhor se aproxima.

9. Irmãos, não se queixem uns dos outros, para que não sejais condenados; eis que o juiz está a porta.

10. Tomemos, meus irmãos, os profetas, que falaram em nome do Senhor, como um exemplo de sofrimento e de paciência.

11. Eis que os contamos felizes e perseverantes. Ouvistes da paciência de Jó e vimos o fim do Senhor; que o Senhor é muito piedoso e de terna misericórdia.

12. Mas, acima de tudo, meus irmãos, não jurem, nem pelo céu, nem pela terra, nem qualquer outro juramento; mas que o vosso sim seja sim; e seu não, não; para que não caia em condenação.

13. Algum de vocês está aflito? Ore. Alguém alegre? Louve com salmos.

14. Há algum doente entre vocês? Que chame os anciãos da igreja; e orem sobre quem estiver adoecido, ungindo-o com óleo em nome do Senhor.

15. E a oração da fé salvará os enfermos, e o Senhor o levantará; e se ele cometeu pecados, eles serão perdoados.

16. Confesse seus erros um para o outro e ore um pelo outro, para que sejais curados. A oração fervorosa e eficaz de um homem justo vale muito.

17. Elias era um homem sujeito a tantas paixões como nós, e orou sinceramente para que não chovesse; e não choveu na terra pelo espaço de três anos e seis meses.

18. E orou novamente, e o céu deu chuva, e a terra produziu seus frutos.

19. Irmãos, se algum de vocês cometer algum erro da verdade, e alguém o converter;

20. Que se saiba que aquele que converter o pecador do erro do seu caminho salvará aquela alma da morte e ocultará uma multidão de pecados.